domingo, 2 de outubro de 2011

LANÇAMENTO MSP NOVOS 50 COM MAURICIO DE SOUSA E VÁRIOS ARTISTAS EM SÃO PAULO

Autor: Rubens Junior | Facebook | Twitter


Está formada a trilogia: MSP 50, MSP + 50 e MSP Novos 50 completam as publicações comemorativas aos 50 anos de carreira do pai da Turma da Mônica, o mestre Maurício de Sousa. Um mega projeto espetacular que reuniu 150 dentre os muitos quadrinistas brasileiros, contando as histórias da turminha em sua própria ótica, em seu próprio estilo.


A agitação entre os artistas começou dias antes, enquanto muitos deles foram chegando de suas cidades à São Paulo. Alguns ainda conseguiram fazer uma visita aos Estúdios Mauricio de Sousa antes do dia do evento.
Volney Nazareno, Mauricio de Sousa, Sidney Gusman, Carlos Ruas e W. Lene Chaves. Foto twittada por Sidney Gusman.

O lançamento do livro MSP Novos 50 em São Paulo, foi realizado dia 1 de outubro de 2011, na Livraria Saraiva do Shopping Ibirapuera (três dias após o lançamento Daytripper, de Fábio Moon e Gabriel Bá, no mesmo local). A sessão de autógrafos foi iniciada às 16h. 

Para aproveitar esta oportunidade única de encontrar tantos artistas e camaradas reunidos neste dia especial, passei a manhã tentando adquirir todas as 3 publicações do MSP 50 Artistas, para que todas elas fossem autografadas. Acabei chegando ao evento 17h, quando a "muvuca" já estava estabelecida. Devido a grandeza do projeto relacionado a Maurício de Sousa, a recepção do público não foi realizada na sala de eventos da Livraria. Tirando bancadas, arrastando prateleiras, foi aberto um enorme espaço no centro da loja. Prevendo um enorme público, relacionado entre crianças que curtem a Turma da Mônica, adolescentes que curtem a TMJ, pais que compram os produtos da Turminha para seus bebês, artistas que queriam encontrar seus colegas de profissão, e curiosos que passeavam pelo shopping, a logística foi organizada com uma grande redoma composta pelos autores do livro, que iniciava ou findava no próprio Mauricio de Sousa, que estava no centro.

Obviamente, também peguei a rota da fila para autografar meus livros (onde permaneci por 45 min.). Mas a alegria que pairava no local impedia qualquer incômodo em esperar sua vez para adentrar na "redoma". Tudo era motivo de atenção e distração: as mães tentando acalmar os filhos, os adolescentes "fantasiados" de TMJ, os artistas tentando agradar aos variados pedidos dos fãs (uma das fãs pediu autógrafo no próprio corpo). Mas, o que mais achei interessante de todo o evento, foi que todos do público, mesmo aqueles que chegaram "de paraquedas" na loja enquanto passeavam pelo shopping, tinham alguma idéia de quem era Maurício de Sousa e o que era MSP 50, MENOS os vendedores da própria Saraiva. Eu não sei como organizaram este "detalhe", mas cheguei a fazer algumas perguntas básicas para os vendedores enquanto fazia esta matéria, como: Até que horas o evento irá durar? As outras 2 edições do MSP 50 estão disponíveis para venda ou só esta última edição? Quem quiser comprar a primeira edição, aquela azul, não tem na loja? Parecia que eu estava falando grego com os vendedores. MSP 50??? Mauricio... do que mesmo??? Primeira edição azul??? Ok, ok... Obrigado. Deixa pra lá. Mais tarde acabei descobrindo que as outras duas primeiras edições já estavam esgotadas naquela Saraiva, e em várias outras lojas.

Até que, finalmente, chegamos ao objetivo do evento e adentramos na redoma para a sessão de autógrafos. Como Mauricio de Sousa estava no centro, de acordo com a aglomeração do pessoal, você tinha oportunidade de estar com ele logo no começo ou apenas no fim. No meu caso, foi no começo.


Sempre muito simpático como de costume, Mauricio não só autografava os livros, mas fazia questão de conversar um pouco com todos (pouco mesmo, devido ao tamanho da fila), enquanto seu fotógrafo oficial tirava fotos dele com cada um dos fãs (fotos as quais serão publicadas no site da Turma da Mônica). Acabei dando muita "sorte" pois, enquanto conversava com Mauricio, a bateria da máquina do fotógrafo acabou e demorou bastante para recarregar a bateria. Foi ótimo aproveitar este tempo extra para "trocarmos figurinhas" sobre estilos de ilustração e os projetos futuros dos Estúdios MSP com outros "novos" artistas. (Yes!)

Seguindo pela ordem da fila, cumprimentamos todos os artistas presentes no evento. Confira as imagens e um resumo da carreira de cada um deles abaixo:


W. LENE CHAVES - Começou a produzir quadrinhos em 2003, em Fortaleza. Participou dos fanzines Quadrimix, Manicomics, Malucos, dentre outros. Integrou a equipe de produção de tiras do Capitão Rapadura, publicada no Diário do Nordeste. É médico e divulga suas tiras na internet.


VOLNEY NAZARENO - Paranaense, é membro do estúdio Casa Velha, uma sociedade de desenhista profissionais. É um dos responsáveis pelas Graphic Novels Belém Imaginária (2004) e Encantarias - A Lenda da Noite (2006), o qual lhe rendeu uma indicação ao Troféu HQMIX de melhor roteirista daquele ano.


CARLOS RUAS - Natural de Niterói (RJ), Ruas já fez teatro e trabalhou como palhaço (deu para notar no evento). Em 2009 criou o blog Um Sábado Qualquer, com tiras humorísticas sobre religião. Foi seu primeiro projeto em quadrinhos. Com o sucesso do blog, abandonou a carreira de designer e investiu no site, que recebe uma média de 45 mil visitas diárias, além da própria loja virtual. Recentemente lançou o livro Um Sábado Qualquer, uma coletânea das tiras publicadas no site.


SAMUEL FONSECA - Já fazia suas primeiras hqs  aos 4 anos de idade. Desde então, adora inventar personagens. Em 2008 lançou Dinamite & Raio Laser, que lhe rendeu o Troféu HQMIX de Melhor Web Comic em 2009. Atualmente faz a série online The Devious Plot.


MARCELO CASSARO - Estreou nos quadrinhos no final dos anos 80, roteirizando revistas como Heróis da TV, Os Trapalhões, entre outras, na editora Abril. Escreveu e editou as premiadas Holy Avenger, Victory e Lua dos Dragões. É também um dos autores de Tormenta, o mais bem-sucedido cenário de campanha para RPG no Brasil. Admiro seu trabalho desde sua participação da antiga revista Gamers (1994), onde utilizava seu principal personagem, o Capitão Ninja, para dar dicas e interagir com os heróis dos games em suas histórias em quadrinhos. Saiba mais sobre esta fase da carreira de Cassaro e sobre o Capitão Ninja nesta matéria. Hoje, Marcelo Cassaro é roteirista da TMJ e, nesta publicação MSP Novos 50, ele desenvolveu um belo roteiro, ilustrado por Eduardo Francisco (abaixo).


EDUARDO FRANCISCO - Começou sua carreira aos 17 anos, publicando na revista Animax, voltado aos fãs de animês e mangás. Seu desenho mescla os estilos americano e japonês. Hoje trabalha para o mercado internacional, atendendo aos estúdios e às principais editoras do mundo direto de sua casa.


DANIEL BUENO - Também arquiteto, seus trabalhos gráficos, que mesclam geometria, texturas e colagens, já ganharam prêmios no Brasil e exterior. Integra o coletivo Charivari, é membro da Society of Ilustrators (EUA) e conselheiro da Sociedade dos Ilustradores do Brasil.


ESTEVÃO RIBEIRO - Roteirista de Vitória (ES) que já escreveu para Turma da Mônica e ganhou o Troféu HQMIX pela publicação Pequenos Heróis. Criador da tira Os Passarinhos, seu trabalho mais recente é O Livro dos Gatos. No MSP Novos 50, sua história foi ilustrada por Leo Finocchi (abaixo).


LEO FINOCCHI - Formado em Design Gráfico, se tornou animador e trabalhou nas séries da Turma da Mônica, Peixonauta, Amigãozão e Quarto do Jobi. Publicou hqs nas revistas Moshi, Jukebox e Pequenos Heróis. Possui uma hq online chamada Nem Morto, sobre o cotidiano de um zumbi, além do seu blog, onde também postou sua matéria sobre este evento.


JOÃO MONTANARO - Nascido em 1996, é a maior revelação do traço brasileiro nos últimos anos. Estreou aos 12 anos com tiras na internet. Já ilustrou para revistas como Mad, Info e Mundo Estranho e jornais como Le Monde, iplomatique Brasil e Folha de São Paulo (onde foi contratado aos 14 anos). Ganhou o Troféu HQMIX em 2011 pela sua publicação Cócegas no Raciocínio. Parece brincadeira, fala sério!


RONALDO BARATA - Começou estudar desenho aos dez anos. Já ilustrou para livros, revistas, publicidade e sites. Desde 2000, é professor de desenho, quadrinhos e ilustração, além de atuar como Diretor de Arte da Quanta Estúdio.


ROGÉRIO COELHO - Paulistano, atualmente reside em Curitiba. Já ilustrou mais de 150 livros, entre infanto juvenis e didáticos. Colabora com revistas como Recreio e Ciência Hoje das Crianças. Recebeu diversos premios pela sua ilustração. Sua maravilhosa história adaptando o personagem Horácio é a primeira entre as 50 desta edição do MSP.


REZENDE - Ex-fazendeiro, este artista já trabalhou nos jornais Correio da Bahia e A Tarde. Ilustrou diversos livros e revistas, além de criar o primeiro Salão de Humor de Salvador. Participou de diversas exposições como A Deformação dos Traços, Os Presidenciáveis, etc.


SAMANTA FLÔOR - Natural de Porto Alegre, cresceu lendo Turma da Mônica e quadrinhos em geral. Formada em arquitetura, voltou-se para ilustração e recentemente se aventurou pelos quadrinhos. Já teve trabalhos publicados em diversas revistas alternativas e um zine próprio, o Toscomics. Além de ser a única garota entre os marmanjos, era a que esbanjava mais alegria em participar do evento.


HECTOR LIMA - Natural de Santos, hoje vivem em São Paulo. Roteirista, ele edita os sites Goma de Mascar e Herói, além de traduzir livros e discoteca. Suas hqs aparecem em coletâneas britânicas e brasileiras. Autopublicou Escritório Noturno, O Major, coescreveu a Graphic Novel Sabor Brasilis e organizou a antologia Inkshot.

GEORGE SCHALL - Formado em Design Gráfico, já ilustrou para Folha de São Paulo, Valor Econômico e editoras como Abril, Café, Ediouro, Caras, Escala, Ibep e Talismã. Sua arte está na antologia Inkshot e hoje desenvolve projetos que serão publicados por editoras americanas.


ALVES - Mineiro, começou a desenhar cartuns em 1993. Colabora com jornais como Folha de São Paulo e Le Monde Diplomatique Brasil, além das revistas Mad e Graffiti 76% Quadrinhos. Foi premiado em grandes salões de humor do Brasil como Piracicaba, Rio de Janeiro e Pernambuco. Com um dos autógrafos mais criativos, o que mais impressionou foi ver a forma estranha com que este camarada segura a caneta. Talvez seja este o segredo...


DAVI CALIL - Após trabalhar um tempo pelos pubs e floriculturas de Londres, passou os últimos dois anos entre Brasil, França, Portugal e Alemanha. Agora em 2011 voltou para São Paulo, onde divide um estúdio com Artur Fujita e Greg Tocchini, além de dar aulas na Quanta Academia de Artes.


WILL LEITE - Nascido em Porecatu (PR), conquistou diversos fãs com suas charges e tiras na internet, onde ele mesmo é o personagem principal. Hoje tem seu trabalho veiculado por sites de humor como Chongas e Jacaré Banguel, além de produzir tiras para a revista Offline. Veja matéria do próprio Will Leite sobre o evento aqui.


ALUIR AMANCIO - Já foi desenhista do estúdio Maurício de Sousa Produções nos anos 80. Publicou Andrea - a Repórter, em 1991. Já fez Superman Adventures e The Spirit para a DC Comics. Seus trabalhos para TV incluem Superman Animated, Batman do Futuro, Scooby Doo e Ben 10. Está gabaritado ou quer mais?


CELSO MENEZES - Fã da Turma da Mônica da das hqs da Disney da década de 70, este roteirista escreveu o álbum Jambocks!, sobre a participação da Força Aérea Brasileira na Segunda Guerra Mundial, ao lado de Felipe Massafera.

FELIPE MASSAFERA - Seu estilo realista de ilustração o levou a desenhar uma Graphic Novel escrita por ninguém menos que Alan Moore. Atualmente trabalha para DC Comics e se dedica aos dois álbuns que concluirão a série Jambocks!, com roteiro de seu amigo Celso Menezes. Felipe é uma das grandes referências brasileiras no mundo dos quadrinhos. Não é só no nome, o cara é fera mesmo.


Sidney Gusman - Embora seu nome não apareça nos créditos dos roteiros e das ilustrações, ele é o responsável pelo planejamento editorial da Mauricio de Sousa Produções, e é o cara que juntou todos estes artistas no projeto MSP 50. Já coleciona troféis HQMIX com estas publicações, além dos prêmios que ganhou com o Universo HQ, mídia especializada em quadrinhos, onde é editor chefe.

E aí estão todos aqueles que compareceram no lançamento MSP Novos 50. Uns bem mais descontraídos, como Carlos Ruas e Celso Menezes. Outros pareciam mais tímidos, como Alves e Will Leite (irônico, já que suas hqs são cômicas). Mas todos eles distribuíram atenção, autógrafos e poses para fotos a todo o público até a noite. E, apesar do cansaço, a maioria deles manteve uma disputa acirrada entre quem seriam os mais simpáticos, tornando até injusto classificar (Mauricio de Sousa não conta... ele é fenômeno). Na minha opinião, apesar do sucesso da publicação, foi o bom tratamento com o público que garantiu o sucesso do evento.

Infelismente, como puderam notar, muitos artistas que colaboraram com a publicação não puderam comparecer no evento. Porém, ao adquirir o livro, você irá curtir o trabalho de todos e encontra-los pelas suas mídias virtuais, que estão indicadas no livro.

Parabéns ao Mauricio de Sousa e a equipe do MSP Novos 50 pelo excelente trabalho. Sem modéstia, é um projeto à entrar para história dos quadrinhos brasileiros.

Só nos resta esperar ansiosamente pelos próximos projetos da MSP que, como conversei com o Mauricio, alguns deles são...

Foto tirada antes da festa começar, na sala de eventos da livraria Saraiva, e twittada pelo próprio Maurício de Sousa.

8 comentários:

  1. Ótimo post! Vou roubar várias fotos daqui. Prazer te conhecer lá Rubão!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  2. parabéns pra todos,com certeza sucesso de muitos que virão!

    ResponderExcluir
  3. Curti muito seu post. Cheguei até aqui pelo retweet do @mauriciodesouza.
    Fiquei com mais vontade ainda de adquirir todos MSP 50

    ResponderExcluir
  4. Sou o orgulhoso pai do Hector Lima e gostaria de cumprimentar todos os participantes e, principalmente, o grande mestre e sempre gente boa Mauricio de Sousa, cuja simpatia e generosidade são tão grandes quanto sua brilhante genialidade!
    Um abraço,
    Walmir Lima

    ResponderExcluir
  5. PARABÉNS pela matéria, Rubens!!!

    MUITO legal o modo como você nos apresenta a todos e ao evento!

    VALEU!!!

    Um abraço carinhoso,
    Silvia Vitória.

    ResponderExcluir
  6. Tanks, Sílvia! Valeu por acompanhar o blog ;-)

    ResponderExcluir
  7. OI, o artigo está muito bem escrito, meus parabéns, mas ele contêm alguns erros...

    Exemplos: o nome de Mauricio de Sousa não tem acento e há vírgulas demais em todo o texto...

    A propósito, passem depois em meu principal "fotolog", relacionado ao material artístico que produzo: http://flogvip.net/alberteeinsteinecia.

    Então, abração e até mais!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu pelas correções Sávio. Já revisei tudo ;-)

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...